segunda-feira, 19 de maio de 2014

DECO lançou segundo leilão de energia


No passado dia 12 de maio a Deco lançou as inscrições para o segundo leilão de energia, marcado para o dia 30 de junho e que inclui a dupla oferta de gás e eletricidade.

De acordo com a Deco - Associação Portuguesa para a Defesa do Consumidor, poderão participar todos os interessados, incluindo os consumidores que participaram no leilão do ano passado, havendo quatro modalidades: oferta combinada (eletricidade e gás com tarifa simples), oferta combinada (eletricidade e gás com bi-horário), eletricidade simples, eletricidade com bi-horário.

A opção por um leilão que inclui ofertas combinadas de eletricidade e gás natural  corresponde à preferência que os consumidores têm evidenciado, acrediatando a Deco que assim “será possível obter melhores condições económicas ao juntar as duas energias”.

Ainda que no leilão do ano passado, ganho pela Endesa, apenas 7% dos cerca de 600 mil inscritos terem formalizado a mudança de comercializador, a Deco refere que todos os consumidores que mudaram para o mercado liberalizado de energia entre agosto e dezembro (620 mil) terão beneficiado de uma poupança global de 8,4 milhões de euros, valor que abrange tanto os consumidores que aderiram à tarifa do primeiro leilão, como todos os outros que aproveitaram os descontos oferecidos pelos restantes fornecedores como resposta a essa iniciativa.

A DECO já informou sobre o leilão os comercializadores que estão no mercado com ofertas combinadas (Galp, EDP e Gold Energy) e outros cinco comercializadores de eletricidade. “O principal objectivo do primeiro leilão, que era mexer no mercado, foi conseguido. Mas esse impulso esmoreceu, o mercado está a ficar adormecido e, por isso, achámos que este é o momento certo para um segundo leilão”, disse à Lusa Rita Rodrigues, da Deco.

Os inscritos no leilão receberão as estimativas de poupança a partir de 15 de julho e têm até 30 de setembro para concretizar a mudança de comercializador.

Fonte: Público, Expresso, Lusa

Para se inscrever no leilão aceda a:


Postado por: Manuel José Sargaço